• Criança

CAOP Informa

10/10/2019

CAMPANHA - Prefeitura e MP em campanha conjunta

***

A Prefeitura de Paranaguá, por meio das secretarias municipais de Saúde, Educação e Ensino Integral, Cultura e Turismo e Comunicação, em parceria com o Ministério Público do Paraná, promove a campanha na cidade para conscientizar a população sobre a importância da doação de órgãos. Material jornalístico está sendo produzido para levar informação e mais conhecimento sobre o tema, além de tentar esclarecer alguns mitos que ainda cercam o assunto.

O cantor Igor Brenaz é o padrinho oficial da campanha. Ele que já exerce um trabalho de música nas escolas, agora passa a ser um multiplicador da ideia. "Reconheço a importância do tema, e quero contribuir. Desenvolvemos uma música que fala sobre fazer o bem e que todos podem ajudar. Estou animado e contente pelo convite", disse o artista.

A promotora Camila Adami Martins, da 4.ª Promotoria de Justiça de Paranaguá, idealizou a causa depois de ter conhecimento que 43% das pessoas que poderiam ser doadores de órgãos não chegam a doar porque as famílias se recusam. "Eu sou doadora de órgãos e a minha família também! Lembro de quando era criança e tive o conhecimento da importância da atitude de doar órgãos", comentou. "Queremos formar cidadãos melhores no futuro, por isso, conversamos com a Secretaria de Educação para implantar o tema junto a sala de aula com as crianças", finalizou.

O assunto doação de órgãos será trabalhado na rede municipal de ensino, com alunos e professores. Como forma de ação pedagógica foi desenvolvido um gibi. De acordo com a secretária municipal de Educação e Ensino Integral, Vandecy Dutra, o tema precisa ser inserido na linguagem das crianças. "Vamos falar de doação, mas com ênfase no amor ao próximo. Estamos contentes com a parceria junto ao MP, pois, sabemos que vamos transformar os pequenos em seres humanos melhores", destacou.

A secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro, destaca a importância do ato e disse que todo o apoio necessário será dado para a campanha. "Eu mesma já me declarei doadora e acho esse ato muito importante. Na verdade, considero como um ato de amor para com nosso semelhante. Nossa Secretaria está engajada nesta conscientização, porque sabemos que ela pode salvar muitas vidas", declarou a secretária.

Paulo Roberto Geraldo Júnior, que doou o rim ao seu pai, orienta que a população busque mais informação sobre o tema e que comece doando sangue. "Doando sangue já dá para fazer o cadastro para doação de medula. Se conhece alguém com problema renal é legal fazer o teste (de compatibilidade sanguínea) para ver se você pode ser um doador. Vai que dá compatível e você pode salvar a vida dessa pessoa", sugere o jovem, que tem a experiência de ter praticado este ato com o próprio pai.

Leia mais:
•   MPPR lança em Paranaguá campanha “É doando que se vive”, para conscientização de alunos da rede municipal de ensino sobre doação de órgãos

[Fonte: É doando que se vive - Campanha da Prefeitura de Paranaguá]

 

Matérias relacionadas:   (links internos)
»   Campanhas
»   Educação

Notícias relacionadas:   (link externo)
»   (Cidadania - 21/08/2019)   MPPR lança em Paranaguá campanha “É doando que se vive”

Referências:   (links externos)
»   É doando que se vive   (Campanha)
»   Prefeitura Municipal de Paranaguá

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem