Funções do Conselho Tutelar

Funções Legais

Quais as funções legais do Conselho Tutelar? Como os Conselheiros devem agir para cumpri-las?
Para cumprir com eficácia sua missão social, o Conselho Tutelar, por meio dos conselheiros tutelares, deve executar com zelo as atribuições que lhe foram confiadas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, o que, na prática, resulta na faculdade de aplicar medidas em relação:

  1. às crianças e adolescentes;
  2. aos pais ou responsáveis;
  3. às entidades de atendimento;
  4. ao Poder Executivo;
  5. à autoridade judiciária;
  6. ao Ministério Público;
  7. às suas próprias decisões.

A faculdade de aplicar medidas deve ser compreendida e utilizada de acordo com as características e os limites da atuação do Conselho Tutelar.

O conselheiro tutelar deve:
Zelar pelo cumprimento de direitos Garantir absoluta prioridade na efetivação de direitos Orientar a construção da política municipal de atendimento.

Veja no quadro abaixo as tarefas executadas pelo conselho tutelar e as atividades que não fazem parte de suas atribuições:

O que faz   O que não faz e o que não é

Atende queixas, reclamações, reivindicações e solicitações feitas pelas crianças, adolescentes, famílias, comunidades e cidadãos.
(Veja o dia-a-dia do Conselheiro Tutelar)

Exerce as funções de escutar, orientar, aconselhar, encaminhar e acompanhar os casos.
(Veja o dia-a-dia do Conselheiro Tutelar)

Aplica as medidas protetivas pertinentes a cada caso.
(Veja o dia-a-dia do Conselheiro Tutelar)

Faz requisições de serviços necessários à efetivação do atendimento adequado de cada caso.
(Veja alguns modelos)

Contribui para o planejamento e a formulação de políticas e planos municipais de atendimento à criança, ao adolescente e às suas famílias.

 

Não é uma entidade de atendimento direto
(abrigo, internato etc.).

Não assiste diretamente às crianças, aos adolescentes e às suas famílias.

Não presta diretamente os serviços necessários à efetivação dos direitos da criança e do adolescente.

Não substitui as funções dos programas de atendimento à criança e ao adolescente.

 

Dicas

Confira abaixo algumas Dicas Importantes para a atuação do conselheiro:

O que fazer? Como agir com zelo?

  1. Atender com atenção.
  2. Registrar todas as informações relativas a cada caso.
  3. Fazer reuniões de estudo de casos.
  4. Aplicar as medidas pertinentes ao caso.
  5. Acompanhar sistematicamente o andamento do caso.
  6. A responsabilidade, tanto das decisões assumidas quanto das medidas aplicadas, é do Conselho Tutelar como um todo.

[Fonte: Fundação Telefônica - Promenino]

 

« Página anterior [ Índice ] Próxima página »

 

Matérias relacionadas:   (links internos)
»   Conselho Tutelar: Capacitação de conselheiros
»   Conselho Tutelar: Processo Unificado de Escolha
»   Conselho Tutelar

Notícias relacionadas:   (links internos)
»   (25/08/2015) CONSELHO TUTELAR - Imagens para divulgação das eleições unificadas
»   (18/08/2015) CONSELHO TUTELAR - MPCE pede revisão de critérios para candidatos ao Conselho Tutelar
»   (01/04/2015) CONSELHO TUTELAR - Lançada cartilha sobre eleições gerais
»   (02/10/2014) CONSELHO TUTELAR - Recomendação sobre o processo unificado de escolha de conselheiros tutelares
»   (18/07/2014) CONANDA - Recomendação sobre o processo unificado de escolha de conselheiros tutelares

Referências:   (links externos)
»   Fundação Telefônica - Promenino

 

 

Recomendar esta página via e-mail: